quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Vale o Investimento: Roko-Loko e Adrina-Lina: Hey-Ho, Let's Go!

Diferente de seu álbum de 2008, Vale-Tudo, o mais recente lançamento de Márcio Baraldi é um livro para iniciados em rock pesado – nacional e estrangeiro.

Para quem não o é – como eu – a graça fica limitada já que algumas piadas perdem o sentido exato. Não chega a ser um demérito. Hey Ho, Let’s Go é um Baraldi típico: caricato, anárquico, multicolorido e cheio de referências pop.

As histórias são curtas, a maioria com apenas uma página. Mas é nas tiras, reunidas nas páginas finais, que Baraldi parece mais à vontade.

O álbum é uma coletânea de histórias do casal roqueiro publicadas entre 2004 e 2006. Roko-Loko, aliás, completa 15 anos em 2011 e já virou camisetas, bonecos e um videogame.

É difícil definir o trabalho de Márcio Baraldi. Então, pego emprestada a conclusão do prefácio do jornalista Sidney Gusman no próprio livro:

Enfim, esse é o Baraldi, que não faz longos roteiros, está longe de ser uma virtuose do desenho, abusa dos trocadilhos nos nomes e, na minha opinião, às vezes exagera um pouco na detonação de algumas figuras e instituições. Mas... e daí?

Roko-Loko e Adrina-Lina: Hey-Ho, Let’s Go tem 54 páginas, capa cartonada, miolo em papel couché – ambos coloridos – e tem preço sugerido de R$ 10,00. Vale o investimento.

2 comentários:

  1. VALEUUUUUUUUUUUUU,TIOOOOOOOOOOO!!!
    ABRACAO!!!!
    FELIZ 2010!!!

    ResponderExcluir
  2. Vc merece, Baraldi.

    Abração e Feliz 2010 para vc também!

    ResponderExcluir