terça-feira, 28 de abril de 2009

Wolverine contra a febre suína

Ele já derrotou alguns dos mais perigosos vilões do Universo Marvel e encarou até o Hulk. Mas nem o famoso poder de cura do mutante Wolverine parece ser páreo para uma ameaça do mundo real.

A Fox decidiu adiar a pré-estréia de X-Men Origins: Wolverine na Cidade do México, marcada para esta quarta-feira (29) em virtude do surto de febre suína que já matou 150 pessoas. O maior cinema da cidade também anunciou que permanecerá fechado por tempo indeterminado.

“Nós nunca colocaríamos alguém em risco e temos um enorme número de pessoas do estúdio que precisamos cuidar”, disse um representante da Fox para a revista People.

O prejuízo pode ser grande. O mercado mexicano representa por volta de 13% da bilheteria americana e o eventual cancelamento do filme naquele país vai acabar influenciando a arrecadação mundial. E não é só isso: há casos registrados de febre suína até em Nova York, um mercado ainda maior.

Em situações de pandemia como esta que se apresenta, as autoridades pedem que as pessoas evitem as multidões como as sessões de cinema.

O filme estrelado por Hugh Jackman tem estréia mundial marcada para 1º de maio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário